Comemore pequenas vitórias, sempre!

Você comemora suas pequenas vitórias?

comemoracaoEu sempre gostei de comemorar minhas pequenas vitórias, isso faz parte da minha essência, de buscar viver uma vida boa, por isso sempre digo: Comemore pequenas vitórias, sempre!

Com o passar do tempo, pude perceber como esse simples fato de comemorar as pequenas vitórias, me impulsionava a buscar por novas vitórias e isso alimentava um ciclo virtuoso.

Resolvi então, transformar o que era apenas intuitivo, em uma verdadeira estratégia.

Defino um objetivo, (sempre tenho objetivos, quando atinjo um, comemoro e parto para o próximo) e depois o subdivido em pequenas metas, determino prazos e para cada meta alcançada, determino uma recompensa, proporcional ao tamanho da meta.

Nem preciso gastar dinheiro para me recompensar, posso simplesmente assistir um filme que estava querendo ver pela netflix, a real recompensa é o tempo que estou me dando para assisti-lo, pode ser um passeio pelo parque, pode ser fazer uma comida diferente, ouvir uma música nova, um banho mais demorado ou simplesmente me organizar para dormir um pouco mais no final de semana.

São coisas simples, mas que eu gosto muito (que tem a ver com a lista da vida boa), às vezes me dou de presente algo mais caro, financeiramente falando, como um bom vinho, uma viagem ou até mesmo uma bicicleta.

Isso funciona muito para mim, é como gameficar a vida, torna-lá um jogo e assim fica mais divertido e mais interessante.

videogame

Mas é sempre assim?

Não, muitas vezes eu erro também e quando algo dá errado, uso esse erro para reavaliar a minha estratégia nessa jogada e assim o jogo continua e na próxima jogada eu tenho a chance de tentar algo diferente e seguir em frente.

Pode até parecer muito simples para quem está lendo, mas garanto, funciona!

Um coisa que é essencial para sair jogando e se divertindo assim é pensar:

“E porque não?”

Foi assim que eu aprendi a vencer o medo que eu comecei a sentir a partir de uma determinada idade, esse medo veio chegando aos poucos, quase que sorrateiramente e sem que eu percebesse ia se manifestando e contaminado minhas decisões.

Até que um dia eu o percebi e resolvi começar a podá-lo, assim como fazemos com um arbusto que cresceu e fugiu da sua forma ornamental e passou a desarmonizar o jardim.poda-de-jardim

Comecei como ele, fui aos poucos, em doses pequenas e continuas, promovendo minhas podas de condução e agora com mais domínio, já estou fazendo umas podas de formação.

Se ainda sinto medo, claro, ele sempre vai estar aqui, dentro de mim, mas agora sou eu quem domino a parada, sou eu que escolho o jogo que quero jogar e muitas vezes sou eu quem dou as cartas.

Então não se deixe paralisar pelo medo de tentar fazer diferente e toda vez que fizer algo diferente e der certo, comemore.

Sua vida vai fica muito mais divertida, pode confiar.

6 Comentários


  1. Ana esse post me despertou para o fato que não me lembro das pequenas comemorações. Acho que é porque não esteja comemorando. Então vamos mudar isso e celebrar cada conquista. Bjs

    Responder

  2. Isso mesmo Iara, assim a vida fica a cada dia mais colorida e divertida.

    Responder

  3. adorei o texto, é leve e nos lembra de comemorar sempre… podemos comemorar todos os dias e realmente esquecemos que são as pequenas vitórias, conquistas que nos fazem a felicidade acontecer! sucesso!!!!

    Responder

  4. Também adorei o texto… 🙂 Parabéns!
    Essa história de comemorar é tão “não natural” para mim que fiz disso uma meta para este ano… E, realmente, é como você disse, quando passamos a comemorar, a vida fica mais divertida mesmo; dá um gostinho diferente para as coisas… Um gostinho de quero mais…rs

    Responder

    1. Que legal Pri, que você já está usando essa dica e que já está percebendo como uma pequena comemoração ajuda e muito na motivação. sigamos assim que logo virão grandes comemorações. Bjs.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.